Skip to content
Início » +10 Dicas e Ideias Para Valorizar o Seu Imóvel

+10 Dicas e Ideias Para Valorizar o Seu Imóvel

+10 Dicas e Ideias Para Valorizar o Seu Imóvel


Se você está reformando ou construindo e busca um revestimento de parede externa, saiba que existem inúmeros tipos de acabamentos que valorizam o seu imóvel. 

O revestimento de parede externa é aplicado na fachada, laterais, muros, área de lazer e no espaço da churrasqueira. Um material de acabamento para áreas externas contribui na decoração e proteção do imóvel contra as intempéries.

Mas, afinal, qual é o melhor revestimento de paredes externas? É importante conhecer as características de cada tipo para que o modelo escolhido se encaixe no seu projeto. Acompanhe o nosso post e se inspire! 

Por que investir em materiais de qualidade para o revestimento de parede externa?

fullscreen

1. O revestimento de parede externa protege o imóvel de intempéries, além de agregar valor – Projeto: Arquiteta Lívia Turano | Foto: Lucas Di Menezes

Investir em revestimentos de qualidade para as paredes externas é essencial por dois motivos principais: estética e funcionalidade. 

Esteticamente, esses materiais embelezam a fachada do imóvel e agregam valor ao seu estilo arquitetônico, causando uma boa impressão inicial​​.

Na prática, eles protegem os imóveis contra diversos elementos naturais, como chuva e sol, e ajudam na conservação da temperatura interna, contribuindo para o conforto e a redução dos custos com energia. 

Quais são materiais são usados para o revestimento de parede externa?

Saiba que existem vários tipos de revestimentos de fachadas externas com diferentes vantagens. Neste tópico, reunimos os principais. Acompanhe! 

Tijolo à vista

imagem 2024 03 14 115650410 fullscreen

2. Tijolo à vista é uma material clássico para revestimento de parede externa – Projeto: Mandril Arquitetura | Foto: Mariana Orsi @marianaorsifotografia

O tijolo à vista é um material clássico na construção e decoração de fachadas, valorizado tanto pela sua estética quanto pela sua funcionalidade. 

Esse tipo de revestimento de parede externa traz um visual tradicional e rústico, agregando charme e calor aos projetos arquitetônicos. 

Somado a isso, o tijolo à vista é reconhecido por sua excelente resistência e durabilidade, capaz de suportar variações climáticas severas sem comprometer sua estrutura ou aparência. 

Outro benefício significativo é sua capacidade de isolamento térmico, contribuindo para manter ambientes mais confortáveis e eficientes energeticamente. 

Contudo, a escolha por tijolo à vista exige atenção na manutenção para preservar sua beleza ao longo do tempo, incluindo limpezas periódicas e, ocasionalmente, a aplicação de selantes para proteger contra umidade e desgaste.

Pedra natural

imagem 2024 03 14 115659665 fullscreen

3. Pedras naturais resistem a intempéries com estilo – Projeto/Foto: Majó Arquitetura

 

Pedra natural, como mármore, granito ou ardósia, é sinônimo de robustez e sofisticação. Esses materiais naturais proporcionam um acabamento único a qualquer parede externa graças às suas variações de cor, textura e padrão. 

Além do imenso apelo estético, as pedras naturais são duráveis e capazes de resistir a condições climáticas adversas, se tornando uma opção prática para revestimentos externos. 

No entanto, seu custo pode ser consideravelmente mais alto em comparação com outros materiais. Algumas pedras necessitam de tratamentos específicos para manter sua aparência e integridade ao longo do tempo. 

Madeira

imagem 2024 03 14 115724356 fullscreen

4. A madeira traz aconchego e proximidade com a natureza, mas exige cuidados regulares contra umidade, fungos e insetos – Projeto: Marcela Penteado Arquitetos | Foto: @gabriela.daltro

 

A madeira é um material que oferece uma estética natural e acolhedora, por isso, é muito utilizada em fachadas para criar ambientes com sensação de proximidade com a natureza. 

Sua versatilidade permite uma grande variedade de acabamentos, desde o rústico ao moderno. Mas, esse revestimento de parede externa requer manutenção regular para garantir sua durabilidade, incluindo tratamentos contra umidade, insetos e fungos.

Apesar desses cuidados, esse tipo de revestimento de parede externa normalmente sofre com a exposição prolongada ao sol e à chuva, o que demanda atenção especial na escolha do tipo e do tratamento do material. 

Vidro

imagem 2024 03 14 115823901 fullscreen

5. Vidro é moderno e elegante e sua manutenção é simples – Foto: Shutterstock

Viva Decora Profissionais

O vidro é usado para criar designs modernos e maximizar a entrada de luz natural nos espaços internos. 

Uma vantagem bacana é que esse material oferece uma estética elegante e contemporânea, permitindo uma ampla gama de aplicações, desde painéis transparentes a vidros coloridos ou texturizados. 

Além disso, o vidro pode contribuir para o controle solar e isolamento térmico, dependendo do tipo escolhido. 

Vale destacar que o uso de vidro em fachadas exige considerações importantes quanto à privacidade e segurança, sendo muitas vezes combinado com outros materiais para equilibrar estética e funcionalidade. 

A manutenção do vidro é relativamente simples, focando na limpeza para preservar sua transparência e beleza.

Concreto arquitetônico

imagem 2024 03 14 115835392 fullscreen

6. O concreto arquitetônico Prisma Cinza é delicado e tem volumetria marcante – Projeto: Reinaldo Simões Arquitetura | Foto: Tata Cereda

O concreto arquitetônico ganhou popularidade em designs contemporâneos devido ao seu visual moderno e minimalista. 

Esse tipo de revestimento de parede externa permite liberdade de formas e texturas, sendo capaz de se adaptar a diversos estilos de decoração. Além disso, ele simula outros materiais, como aço corten, pedra e madeira. 

O concreto não é apenas esteticamente agradável, mas também é reconhecido por sua resistência e durabilidade, exigindo pouca manutenção ao longo do tempo. 

Suas propriedades de isolamento térmico contribuem para a eficiência energética dos edifícios. No entanto, necessita de tratamentos superficiais para evitar a absorção de umidade e o desenvolvimento de fissuras.

Porcelanato

imagem 2024 03 14 115901413 fullscreen

7. Porcelanato é uma boa opção para ser usado como revestimento de parede externa, pois é versátil e apresenta alta durabilidade – Projeto: Mageste & Blinovas Arquitetura | Foto: Julia Nóvoa

Conhecido pela sua versatilidade e alta durabilidade, o porcelanato é um material sofisticado para revestimentos externos. Disponível em diversos tipos de acabamentos, ele imita pedra, madeira e até metal.

Outra vantagem é que esse tipo de revestimento de parede externa resiste a manchas e variações climáticas, sendo uma escolha popular para áreas de alto tráfego e exposição ao exterior. 

Ademais, o porcelanato é de fácil manutenção, necessitando apenas de limpeza regular para manter sua aparência. 

O custo inicial pode ser um pouco maior em comparação com os demais materiais, no entanto, sua longevidade e baixo custo de manutenção compensam o investimento ao longo do tempo.

Metal

imagem 2024 03 14 115934760 fullscreen

8. Aço corten tem estética diferenciada e é mais resistente à corrosão – Foto: Shutterstock

 

Materiais metálicos como alumínio, aço corten, zinco, entre outros, são frequentemente escolhidos para fachadas devido à sua durabilidade e estilo moderno. 

O metal pode ser utilizado em uma variedade de formas, desde painéis lisos até estruturas perfuradas, oferecendo uma estética contemporânea e distintiva. 

Além da sua versatilidade visual, os metais são reconhecidos pela sua resistência a condições climáticas adversas e pela capacidade de suportar cargas significativas sem comprometer a estrutura. 

Apesar dessas vantagens, é importante considerar o tratamento e a manutenção dos materiais metálicos de modo a prevenir corrosão e garantir a longevidade desse revestimento para parede externa. 

Como escolher o melhor tipo de revestimento de parede externa?

imagem 2024 03 14 115950303 fullscreen

9. Avaliar a facilidade de manutenção do revestimento de parede externa é essencial durante o processo de escolha – Projeto: Studio Marlene Ricci | Foto: Edsley Saito

Ao escolher revestimentos de parede externa, primeiramente alinhe o material ao estilo arquitetônico do imóvel, seja moderno, rústico ou clássico. A estética deve complementar e realçar as características visuais da construção, criando uma harmonia visual atraente.

Considere a localização geográfica do imóvel, escolhendo materiais que se adaptam bem ao clima local. Revestimentos resistentes ao sol forte ou à chuva são essenciais para garantir durabilidade e proteção contra as intempéries, evitando danos prematuros.

imagem 2024 03 14 120000945 fullscreen

10. Madeira + tijolinhos à vista tornam esta fachada um charme – Projeto: Studio Marlene Ricci | Foto: R.R.Rufino

Por último, avalie o orçamento disponível, considerando não apenas o custo inicial, mas também os gastos com manutenção a longo prazo. 

Materiais duráveis e de fácil manutenção, que oferecem boa proteção e isolamento, podem representar uma economia significativa ao longo do tempo, além de aumentar o valor do imóvel.

Este foi nosso conteúdo sobre revestimento de parede externa! Neste post, você conferiu projetos de Mandril Arquitetura, Majó Arquitetura, Marcela Penteado Arquitetos, Reinaldo Simões Arquitetura, Mageste & Blinovas Arquitetura, Lívia Turano e Studio Marlene Ricci.  

Gostou das nossas dicas? Então, é hora de conhecer a melhor loja para construir e reformar a cada dos seus sonhos. Acesse a Viva Decora Shop!





Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *